» Projeto oferece conserto gratuito de eletroportáteis



FullPage plugin for HTMLArea


Sabe aquele eletroportátil que está em casa estragado ocupando espaço? Um projeto desenvolvido no Campus Juiz de Fora conseguiu achar a solução para esse problema e ainda ajudar o meio ambiente. O  "Conscientizando: a proteção ao meio ambiente através da reparação de eletroportáteis" recebe aparelhos com defeito e os conserta de graça. 


Ao observar a frequência com que alguns aparelhos acabam sendo descartados, as servidoras Luciene Aparecida de Assis e Camila Santos Fabre uniram uma verdadeira força-tarefa no Campus e deram início ao plano. 


“O intuito desse projeto é trazer para nossa comunidade a conscientização de proteção ao meio ambiente e a oportunidade de pessoas repararem seus eletroportáteis sem o custo de mão de obra, já que alguns consertos ficam mais caros que a aquisição de um produto novo e o excesso de produtos e descarte irregular podem gerar dano ao meio ambiente” explica Luciene, que é a coordenadora do projeto. 


Os responsáveis pelos consertos são os próprios alunos dos cursos de Eletrotécnica, Eletromecânica e Eletrônica, auxiliados por professores e técnicos. “O projeto também proporciona aos alunos envolvidos a oportunidade de colocar em prática a teoria aprendida em sala de aula, ao mesmo tempo em que a sociedade recebe os frutos do investimentos feitos através dos tributos”.


Inicialmente, o projeto contará com atendimento para até oito aparelhos no mês - com exceção dos que contêm armazenamento de dados pessoais - sendo quatro cotas para comunidade externa e quatro para comunidade interna.


Os eletroportáteis podem ser entregues até o dia 12 do mês, na Diretoria de Extensão (DERC), entre as 16 e 18 horas, sendo possível agendar o atendimento através do e-mail conscientizando.jf@gmail.com ou no ramal 4009-3006.


O serviço é gratuito. Caso seja necessária a aquisição de alguma peça, o beneficiário poderá retirar o objeto sem o conserto ou fazer a compra da peça solicitada e trazer ao instituto para o reparo em até 20 dias. 


Para o objeto consertado o beneficiário tem uma garantia de 30 dias, referente à mão de obra, caso ocorra o mesmo defeito.


Inspiração internacional


O projeto foi inspirado em um evento criado na Holanda, o "Repair Café", que já existe em diversos países da Europa. Em um espaço cedido, pessoas com habilidades técnicas disponibilizam, em um determinado dia, sua mão de obra gratuita para tentar consertar diferentes tipos de eletrônicos, de acordo com a demanda. 


Por Lara Morais
Revisão: Laura Chediak


Postado por: LAURA em 2019-06-03 15:40:17











Periódicos
Domínio
SISU
SiapNet
Acesso
Transparência
Portal
Portal

INSTITUTO FEDERAL DO SUDESTE DE MINAS GERAIS - CAMPUS JUIZ DE FORA

Rua Bernardo Mascarenhas, 1283 - Bairro Fábrica - 36080-001 - JUIZ DE FORA - MG
Telefone(s): Fale Conosco